RuivaNegra
Carregando...
Quase Pronto

Página do Blog

  • 25 Jan
    Abre-te para o novo

    Abre-te para o novo

    2017, o ano em que tudo e quase todos passaram por mutações tão fortes, que em muitos casos-assim como no meu, fez com que com pudéssemos entender um pouquinho mais do que significa “viver”. 
     
    É impossível evitar mudanças, disso todos sabemos, mas o que muitas vezes ignoramos é que são elas quem nos constroem, nos ensinam e na verdade acabam nos preparando para lidar com as próximas e próximas. E a verdade é que lutamos tanto contra todas as mudanças impostas pela vida por puro medo.  
    Cometemos o grande erro de nos apegarmos. A real é que nos apegamos tanto que no exato momento em que precisamos seguir em frente, seja do que for, sentimos medo e acabamos nos perdendo na confusão criada por nós mesmos. 
     
    Acredito que sempre estamos onde deveríamos estar em certos momentos. E assim segue o mesmo para as situações que passamos, temos que passar por todas elas para além de nos descobrirmos, ver um outro lado que na verdade ignorávamos. 
     
    Evolução. Tudo se resume a apenas isso, a evoluirmos a cada dia de nossas vidas. 
    É realmente difícil sair de um emprego que durou anos, dizer adeus a alguém, se mudar de um lugar onde criamos raízes talvez por boa parte dos anos, é difícil desapegar em um modo geral. E ah, como eu sei. 
     
    Com o tempo eu aprendi a apenas aceitar. Aceitar que tudo aconteceu como deveria ter acontecido. Que independente da dor, do medo e da dúvida, tudo aquilo me levaria a um outro lugar e visão. 
    É preciso muita reflexão e introspecção consigo mesmo para enxergar além de todos os sentimentos e lados ruins, algo bom. Mas acredite, sempre há!
     
    E tudo bem! Tudo bem demorar para conseguir aceitar e lidar com tudo o que acontece, cada um tem o seu próprio tempo e momento para usar tudo o que acontece ao seu favor e evolução. 
     
    O que não vale é permanecer em coisas que fundo não fazem mais sentido pelo medo e dúvida. Tudo o que isso vai lhe causar, é descômodo, sofrimento e mais dúvidas. Mas tudo bem também se assim preferir, como disse cada um tem o seu tempo... mas lembre-se sempre de que somos nós quem tomamos as rédeas das nossas vidas e que independente de tudo, o novo é sempre bem vindo! 
     
    Bem vindo 2018!